Vera Fischer é internada por problemas com álcool e droga

Essa não é a primeira vez, em 1997, a atriz chegou a ser internada por oito semanas em uma clínica de Santa Tereza

Vera Fischer

Após Felipe Camargo, ex-marido de Vera Fischer conseguir se recuperar da dependência química, quem sofreu uma recaída foi a atriz.

Nesta quarta-feira (27) Fischer foi internada em uma clínica de reabilitação para dependentes químicos, na Barra da Tijuca, zona oeste, do Rio de Janeiro, de acordo com a coluna Retratos da Vida, do jornal Extra.

“É muito triste e muito chato, mas foi para o próprio bem dela”, declarou a assessora de imprensa da atriz, Liège Monteiro, ao jornal.

A última aparição de Vera na TV foi numa participação em “Insensato coração”. A atriz está no ar na reprise de “O clone”.

Anúncios

4 Comentários

Arquivado em Audiência, celebridade, Fotos, Globo, Notícia, Novela, Tv

4 Respostas para “Vera Fischer é internada por problemas com álcool e droga

  1. Rosimeire

    Que Deus te abençoe Vera Fischer, o mundo tem coisas maravilhosas pra fazer, saia desta para dar bom exemplo a todos vc é uma mulher linda. bjossss

  2. JANE

    Torço por sua recuperaçao, gosto muito do teu trabalho.
    trabalhe mais, fique mais com a familia, ocupe- se que ai a vontade por drogas e alcool passa….

  3. Nós da Associação dos Dependentes Químicos em Recuperação sabemos que não há nada de anormal no fato de uma portadora de uma doença incurável voltar a necessitar de cuidados médicos. Dependência Quínica é uma doença como qualquer outra.
    Sujeita e regressões. Casos semelhantes acorrem com portadores de câncer ou diabéticos ou outras doenças.
    Câncer muitas vezes retornam depois de eliminados e quadros de diabetes estabilizados regridem pondo em risco a vida do paciente.
    Na dependência química por se tratar de uma doença repleta de questões morais mal resolvidas pela sociedade parece assustador que um paciente volte a fazer usos de recursos médicos quando seu quadro clínico exige.
    É lamentável que a atriz tenha que passar por questionamentos ao invés de se formarem apenas correntes de orações e torcidas por sua recuperação como aconteceria caso ela estivesse se submetendo a sessões de quimioterapia para combater um câncer.
    Lembro: nossa doença e tão reconhecida pela Organização Mundial de Saúde (OMS)quanto o câncer ou diabetes. Marcelo da Rocha Presidente da ADQR – Associação dos Dependentes Químicos em Recuperação

  4. marcio luis

    espero que vç se recopere logo pois sou teu fã e vou pedir a Deus pra vç sair dessa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s