Lara Rosê: Os gases indesejáveis

Lara com sua disposição ao trabalho árduo (nunca lavou um prato sujo na pia) teve a iniciativa de trabalhar fora sem que as amigas soubessem do “bafão’’, gíria que elas usam quando o assunto é de espantar, pesquisou na internet, em jornais sobre vagas de emprego e nada se encaixava para a suburbana, pois se fosse falar em computador, Lara só saberia usar Orkut, Msn e outros do gênero de relacionamento. Daí então surge a luz no fim do túnel e uma vaga de doméstica aparece para Lara que topa na hora quando vê que o salário fica em torno de 500 reais, Lara logo pensa que com esse dinheiro vai comprar as roupas de “marca” e ainda parcelar em 15 vezes.

O primeiro dia

Lara vai para o trabalho com uma bermuda bem curta e blusa com barriguinha de fora (ou melhor, banha de fora), coisa que logo espanta o patrão Ronaldo ao ver a beldade, isso explica porque muitos rapazes do bairro de Lara a chamam de “corpo de colchão amarrado no meio” e sem contar as inúmeras celulites, estrias e varizes que a pobre possui e nenhuma mulher sonha em ter.

Lara vai cumprimentar seu primeiro e novo patrão e diz: “E aí RONAAAAAALDO! Tu que é o “tutra” que vô “trampá”?”

Ele olha para Lara de cima para baixo e diz: “Dá pra vir com uma calça amanhã?” – em seguida sai do local e deixa-a sozinha.

Imediatamente Lara pega o celular e liga para sua amiguíssima Thássia, conta logo o que aconteceu e completa: “Tô achando que o meu patrão já ta querendo soltar uns “migué” no meu ouvido e não ta resistindo ao corpinho aqui de mulher fruta…”

“Só se for mulher jaca caída do pé” – imagina a amiga Thássia.

O segundo dia e o mau cheiro

Lara como ficava o dia inteiro dentro do quarto mexendo no Orkut, não se importava com nada do que fazia, pois estava sozinha, mas o pior é que Lara tem um péssimo costume de soltar arrotos e puns a qualquer hora…

Lara Rosê então limpa a casa cantando a música “Quero te dá” (sua predileta das “Gaiolas das Popozudas”) enquanto isso solta um “finin” (aquele famoso pum silencioso, considerado perigoso devido a sua carniça) e seu patrão chega em casa sente a catinga e logo reclama: “Que mau cheiro é esse?”

Continua…

Por: Borges Marques

Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em celebridade, Comunicação Social, Humor, Musica, Peripeciando

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s